Fiquem Alertas!!!!!

 

Vigiem e fiquem alertas, pois vocês não sabem quando chegará a hora. Marcos 13:33NTLH.

A temperatura do dia subira além dos 32 °C – dia perfeito para um sorvete. Mas, por causa do meu desejo de melhorar a saúde através de regime alimentar e exercícios, fazer estoque de sorvete na geladeira não era uma opção. Decidi ir à sorveteria e pedir um. Tudo correu bem até a hora de voltar para casa. Entrei no carro, acionei a ignição e, para minha surpresa e horror, a bateria estava descarregada. Isso não pode estar acontecendo, pensei. Meu carro é praticamente novo e a bateria devia ter uma vida mais longa. Tentei outra vez, e aconteceu a mesma coisa. Eu estava com um problema!

De repente, houve uma mudança de prioridade. O sorvete não era mais o que me preocupava. Dentro de minutos, fazer com que o carro funcionasse passou a ser a prioridade. Convoquei a ajuda de um rapaz de uma picape nova para que me desse um empurrão, e ele prontamente socorreu uma dama aflita. “Tive vontade de tomar sorvete, mas não queria fazer estoque em minha geladeira, de modo que dei uma passadinha aqui para saborear um”, expliquei a ele. Nós dois rimos diante dos meus apuros.

Ao contar ao rapaz sobre o incidente, ele me informou que a bateria já havia dado avisos sutis de que estava com problemas, porém eu não havia prestado atenção, e assim perdi os sinais de advertência.

Puxa! Pensei no texto de hoje e refleti acerca da minha vida espiritual. Há ocasiões em minha vida em que me encontro desconectada da Fonte, sem sequer ter consciência dela?

Ando tão ocupada que, inconscientemente, deixo de sintonizar os avisos do Espírito Santo para colocar a vida em dia?

Estou ignorando os sinais da vinda de Cristo?

Estou tão ocupada em viver, a ponto de não dar prioridade ao testemunho acerca da segunda vinda?

Serei achada desprevenida porque, uma vez mais, deixei de atentar para os sinais de advertência?

Pai, sei que há ocasiões em que me preocupo tanto com a vida que o preparo para a Tua volta não recebe a prioridade. Pelas aparências exteriores, tudo está bem, mas minha vida espiritual precisa ser recarregada. Ajuda-me a sintonizar tão bem a Tua Palavra que eu permaneça ligada à principal Fonte de energia. Por favor, perdoa-me! De hoje em diante, ajuda-me a ficar alerta, para não ser surpreendida.

MM/2010 - Escrito por Andréa A. Bussue

Na presença de Deus

Deus está sempre pronto!!

Texto extraído do blog http://otempofinal.blogspot.com/  - Aprendi com este texto que não importa em que situação eu me encontre, Deus está sempre pronto em me ajudar e fazer voltar pelo caminho que é o melhor pra mim.


Davi é um daqueles personagens bíblicos sobre quem sabemos pormenores da infância, juventude, vida adulta e velhice. Temos, portanto, muita informação para poder analisar a história deste grande homem da Bíblia, cuja relevância maior talvez esteja no fato dele ter sido um escritor do texto sagrado, contribuindo com a maioria dos Salmos que estão incluídos nas Escrituras.

Além disso, teve variadíssimas ocupações ao longo da vida: foi pastor, poeta, músico, soldado e monarca. Não menos significativo é ele ter sido um ascendente de Jesus - o próprio salvador foi referido como Filho de Davi!

Ele é também um personagem que nos deixou grandes exemplos a seguir e, infelizmente, tristes relatos de atos seus que, simplesmente, não deveriam ter acontecido. Exemplo maior disso foi quando tomou para si uma mulher que era esposa de outro homem, tendo provocado propositadamente a morte deste. Sendo a sua história relatada nos livros de Samuel e Crónicas, Davi é o personagem mais vezes mencionado na Bíblia.

Diríamos, portanto, que é um dos registos mais completos que podemos apreciar na Bíblia. Será por isso de esperar que Deus o tenha usado para nos transmitir fortes e poderosas lições.

Vamos debruçar-nos sobre um desses ensinamentos: Deus está sempre pronto para conceder-nos as Suas bênçãos. Para o descobrir, temos de pesquisar o relato da sua vida atentamente.

I Samuel 16 conta um episódio designado por Deus que constituiu uma enorme surpresa para todos os intervenientes. Ele enviou o Seu servo Samuel à casa de Jessé para entre os filhos deste homem escolher um futuro rei para Israel. Contra todas as expetativas, Deus ordenou que Samuel indicasse Davi, que por ser o mais novo dos irmãos e ainda muito jovem, certamente seria a última escolha, tivesse sido um homem a fazer essa nomeação.

Nas palavras do texto sagrado, diz assim o verso 1, relatando a ordem de Deus: "vem, enviar-te-ei a Jessé o belemita; porque dentre os seus filhos me tenho provido de um rei".

Ou seja, a ida de Samuel não foi proposta de homem algum; Deus enviou o Seu profeta para ele indicar a Davi qual era o plano divino para a sua vida: reinar sobre o Seu povo. Tome nota que isto aconteceu muito antes de David se tornar, efetivamente, rei; o que demonstra que Deus já estava a intervir na sua vida, bem ANTES dele se tornar famoso, enquanto era um humilde e desconhecido pastor adolescente.

Alguns anos mais tarde, já Davi se tinha tornado um poderoso e famoso guerreiro, aconteceu que depois dele ter cuidado e zelado pela propriedade de um homem chamado Nabal, este não foi capaz de reconhecer minimamente o esforço de Davi, chegando ao ponto de o menosprezar. Davi, manifestando uma sede de vingança que se poderia ter demonstrado imparável (eles iriam destruir até mesmo as crianças), partiu a caminho de encontrar Nabal, para tirar desforço da injustiça da qual tinha sido vítima. Provavelmente, tivesse ele ido até ao fim, teria arrasado por completo a casa de Nabal.

Justamente da casa deste homem malvado, surge Abigail, sua esposa que, partindo à procura de Davi e encontrando-o, lhe suplicou que revisse a sua posição e não insistisse em levar a cabo a destruição que tinha planeado. Após o emotivo pleito de Abigail, Davi reconsidera e desiste da empreitada fatal.

Mas o mais interessante é verificar as primeiras palavras de Davi para com Abigail: "Bendito o Senhor Deus de Israel, que hoje te enviou ao meu encontro" (I Samuel 25:32).

Ou seja, não foi Abigail na sua razão e sabedoria quem decidiu e entendeu por si só, ser pelo melhor tomar aquela atitude; foi Deus quem suscitou no seu coração este desejo e este ato de coragem - e não o fez motivado apenas para preservar a vida de muitos inocentes (classificação esta na qual Nabal não estava incluído!), mas para evitar que Davi tomasse nas suas mãos algo que pertencia a Deus (tal qual vemos no v. 38: "feriu o Senhor a Nabal, e este morreu"). Neste caso, Deus interveio DURANTE a questão que Davi enfrentava.

Novamente anos mais tarde, encontramos Davi já exercendo as funções reais para as quais Deus o havia designado há muito. É neste cenário que testemunhamos a grave e grosseira falha da vida deste homem: deixando-se levar pela emoção e pela atração que a beleza física de uma mulher despida lhe provocou, deitou-se com ela, que era esposa de outro marido. Como se isso não bastasse, para tentar encobrir e desculpar o seu erro, levou demasiado longe o poderio que dispunha como rei, ordenando cirurgicamente que Urias, o esposo traído sem saber, fosse colocado numa posição de combate onde facilmente perderia a vida. E assim foi.

Muitos homens que erram conseguem escapar ao justo escrutínio de seus pares; mas nunca conseguem fugir da vista de um Deus que tudo sabe, tudo vê. Por isso Natan, o profeta, foi à presença do rei Davi, e numa bem preparada e irrefutável argumentação, fez com que este reconhecesse a enormidade do seu erro, merecedor, nas suas próprias palavras, da pena de morte.

Eis que mais uma vez surge a pergunta: foi Natan, por sua livre iniciativa, que decidiu ir até junto do monarca faltoso e repreendê-lo pelo que tinha feito? Não, não foi! O relato bíblico esclarece que "o Senhor enviou Natan a Davi" (II Samuel 12:1). Pela terceira vez, alguém é enviado por Deus até Davi, desta vez DEPOIS dele ter praticado aquela falha.

Nestes três episódios, percebemos a intervenção nítida da parte de Deus: foi Ele quem enviou Samuel, foi Ele quem enviou Abigail e foi Ele quem enviou Natan. E já reparou bem os tempos distintos das intervenções divinas? ANTES, DURANTE e DEPOIS!

O que nos demonstra isto? Muito claramente, que Deus está SEMPRE pronto para agir em favor de Seus filhos, quer seja para honrá-los à posição de rei, evitar que cometam graves erros, ou repreendê-los e perdoá-los, caso eles cheguem a errar!

Talvez o leitor se encontre em qualquer destes casos; se assim for, porque não ouvir a voz de Deus apelando-o a seguir o Seu perfeito propósito? Com Ele encontre um plano ideal, um rumo certo e constante e o perdão que procurar.

Faça o que é certo

"Filho meu, se os pecadores querem seduzir-te, não o consintas" Provérbios 1:10

Escutem a voz de Deus: "Filho meu, se os pecadores querem seduzir-te, não consintas". Os que são regidos pelo Espírito de Deus devem manter despertas suas faculdades receptivas, pois chegou o tempo quando se provará a lealdade de voces para com Deus, e de uns com outros. Não cometam a menor injustiça com o fim de ganhar uma vantagem para vocês. Façam aos outros, tanto nas coisas pequenas como nas grandes, da maneira como quisessem que outros façam a vocês. Deus diz: "Vocês são minhas testemunhas. Tem de atuar em meu lugar".

"Vós sois as minhas testemunhas, diz o SENHOR, o meu servo a quem escolhi; para que o saibais, e me creiais, e entendais que sou eu mesmo, e que antes de mim deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá. " Isaías 43:10

Se pudesse descorrer a cortina veriam o universo celestial observando com intenso interesse ao que é tentado. Se não se rendem ao inimigo, há gozo no céu. Quando se ouve a primeira insinuação ao mal, elevem uma oração ao céu, e depois resistam firmemente a tentação de experimentar com o que condena a Palavra de Deus.

A primeira vez que chegar a tentação, permaneçam em forma tão decidida como para que nunca se repita. Apartem-se do que se atreveu a apresentar práticas errôneas. Separem-se determinadamente do tentador dizendo: Devo afastar-me de tua influência, pois sei que não segues as impressões de nosso Salvador.

Mesmo que não sintam serem capazes de falar uma palavra aos que fazem segundo princípios errados, se afastem deles. A separação e o silêncio podem fazer mais do que as palavras. Neemías se negou a relacionar-se com os que eram desleais aos princípios, e não permitia que seus ajudantes se relacionassem com eles. O amor e o temor de Deus foram sua salvaguarda. Viveu e trabalhou como se tivesse visto o mundo invisível. E Davi disse: "A Jeová pus sempre adiante de mim".

Sejam como Daniel. Atrevam-se a estar firmes, ainda que sejam os únicos.

Nesta forma, como o fez Moisés, suportem a visão daquele que é invisível. Mas uma cautela covarde e silenciosa ante os maus colegas, enquanto escutam seus ardizes, faz voces um com eles.

2 Cor. 6: 17, 18. - Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em coisas impuras; e eu vos receberei, serei vosso Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-Poderoso.

Tenha valor para fazer o correto. A promessa do Senhor vale mais do que o ouro e a prata para todos os que são pregadores de sua Palavra. Considerem todos como uma grande honra o ser reconhecidos por Deus como seus filhos (RH 9- 5- 1899).



APRENDENDO A PERDOAR

Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente,
caso alguém tenha motivo de queixa contra outrem.
Assim como o Senhor vos perdoou,
assim também perdoai vós.

Não se esqueça de lembrar de tudo que você vai fazer hoje, porque você jamais saberá se amanhã estará aqui… E como você consertará seus desacertos?

Sempre achamos que não é necessário fazer (perdoar) agora. Deixamos, na maioria da vezes, para mais tarde. Sempre esquecemos que o que não nos pertence é justamente o “mais tarde”, o “amanhã”, “o minuto seguinte”.

Imaginamos que haverá um novo dia, um novo amanhecer para vivermos, e, todos as coisas que poderíamos ter feito ainda hoje, ficam para depois… Mas esse “depois” ou esse “amanhã” pode nunca mais vir.

“Não presumas do dia de amanhã, porque não sabes o que ele trará“. (Provérbios 27:1).

Colossenses 3:13
Pensamento: Como posso eu não perdoar um irmão ou irmã por quem Cristo morreu, quando eu sei o quanto Deus pagou para me perdoar?

Oração: Santo Pai, comprometo-me hoje a deixar qualquer rixa ou amargura que eu tenha contra um dos seus filhos. Arrependo-me por não refletir Sua graça e misericórdia que me dissipou. Aba Pai, preciso da ajuda do Seu Espírito Santo para abrir mão do meu direito em relação aos erros cometidos contra mim, e tratar aqueles que me magoaram como filhos da Sua família. Por favor, dê-me a força que preciso para me comprometer a seguir o Seu exemplo de perdoar, mesmo em situações difíceis. Através de Jesus eu oro. Amém.

Texto extraído do blog http://irmavania.blogspot.com/ 

Um Brilho em meu rosto

Quando passares pelas águas, Eu serei contigo; quando, pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti. Isaías 43:2.

Alguns anos atrás, foi marcada uma cirurgia à qual eu deveria me submeter num ambulatório. Honestamente, sentia-me aterrorizada – o futuro parecia incerto. Uma análise de laboratório indicava que existia a possibilidade de ser um câncer. A palavra câncer me dava medo. Várias vezes me perguntei: E se os resultados chegarem dizendo que tenho câncer ou outra doença debilitante? O que acontecerá comigo?

Eu devia estar no hospital às 6 horas da manhã. Depois de me acomodar na sala dos pacientes de ambulatório, peguei meu livro devocional e o abri na leitura do dia. Para meu espanto, o título dizia: “Senhor, Socorre-me!” No fundo do coração, era esse o meu clamor. O texto era: “Ele Me invocará, e Eu lhe responderei; na sua angústia Eu estarei com ele, livrá-lo-ei e o glorificarei” (Salmo 91:15). Quando li esse verso, senti como se a mão de Deus me houvesse tocado. Senti uma calma certeza de que tudo sairia bem. Suas palavras eram confortadoras e declaravam textualmente que Ele me livraria e me honraria. Imediatamente, experimentei uma sensação de paz que só Ele pode dar. Meus temores e ansiedades se dissiparam. Meu Deus ouvira meu clamor por socorro.

Justamente antes de eu ser levada para a sala de cirurgia, dois anciãos da igreja chegaram para orar comigo e com meu esposo. Foi bom saber que eles se importavam e haviam dedicado tempo para ir ao hospital a fim de me dar a certeza de seu amor, orações e apoio. Um deles observou: “Sabe que há um brilho em seu rosto?” Quando me olhei no espelho ali perto, notei que ele era visível. Meu amoroso Pai celestial o colocara em mim.

A cirurgia correu bem, e o médico me garantiu que não havia evidência de câncer. Bradei: “Muito obrigada, Jesus! A Deus seja a glória!”

Quando você enfrentar algo que lhe parece um desafio intransponível, incentivo-a a crer que Deus estará ao seu lado; Ele Se especializa no impossível. Promete que, quando clamarmos, Ele nos responderá; estará conosco nas tribulações e nos livrará e glorificará. É o Deus dos milagres, e nada é difícil demais para Ele. Oro para que Sua doce paz e a ternura do Seu amor encham seu coração hoje.

Escrito por Shirley C. Iheanacho

Sábado - Um Santuário no Tempo

Deus Se aproxima de Seu povo durante o dia por Ele abençoado e santificado. Seguindo o exemplo do Criador, deveria o homem repousar neste santo dia, a fim de que, ao olhar para o céu e para a Terra, pudesse refletir na grande obra da criação de Deus; e para que, contemplando as provas da sabedoria e bondade de Deus, seu coração pudesse encher-se de amor e reverência para com o Criador.

O sábado é o santuário de Deus no tempo, no qual todos podem entrar. A Bíblia fala de um santuário tão antigo quanto a própria humanidade. Esse santuário, embora faça parte do tempo, não se desgasta pelo tempo, e é suficientemente abarcante para acolher todos os filhos de Deus espalhados ao redor do mundo. Esse santuário de Deus no tempo é o sábado, qualificado por Abraham J. Heschel como “um palácio no tempo”. Mesmo não sendo visto com os olhos físicos, esse santuário está em toda parte, podendo ser adentrado a cada sétimo dia da semana.

Permitamos que cada sábado seja uma bênção em nossa experiência, restaurando em nós o genuíno espírito de louvor e gratidão a Deus.


FELIZ SÁBADO!!!!!!!!!

Na Hora Exata


Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. Filipenses 4:6.

Haviam acabado os sacos para o aspirador de pó, e eu precisava deles em seguida. Não podia comprometer a limpeza da quinta-feira, como preparativo para a igreja. Como meu esposo levaria os gêmeos para seus respectivos locais de trabalho, isso significava que eu precisaria atravessar a cidade e ir até a loja, antes que ela fechasse, às 17h. Eu tinha uma reunião às 15h30, e previ que ela iria até às 16h30. Se tudo corresse bem, daria tempo.

Entretanto, quando cheguei ao destino, descobri que o estacionamento estava fechado, e me dirigi a um local conhecido, a três quarteirões de distância. Assisti à reunião e corri para fora do prédio por volta de 16h35.

Orei para que Deus me ajudasse a chegar à loja em tempo. Enquanto aguardava para atravessar a rua, um amigo passou de carro. E assim me deu uma carona até meu carro. Puxa, pensei, não orei especificamente por uma carona até meu carro, mas Deus sabia do que eu precisava, na hora em que precisava.

A pressão era grande, pois eu tinha 15 minutos para chegar à loja. Manobrei em meio ao trânsito, enquantome mantinha dentro do limite de velocidade, e meu Pai celeste coordenou os semáforos com perfeição. Às 16h51 parei numa luz vermelha, mas continuei orando. Não me senti ansiosa, pois sabia que daria certo. E deu, com alguns minutos de folga.

Esse incidente me mostrou que Deus cuida dos pormenores para suprir o que me é necessário. Tudo funcionou com harmonia para que eu chegasse ao meu destino com rapidez e segurança. Isso não aconteceu por acaso, mas por desígnio. Deus Se encarrega não só dos grandes obstáculos na nossa vida, mas também dos pequenos. Às vezes, pensamos que não devemos incomodar a Deus com coisas pequenas, já que Ele está ocupado, e assim esperamos até acontecer algo importante – como um câncer – para clamar a Ele.

Deus está interessado em cada aspecto da minha vida, e para Ele nada é insignificante demais quando se trata do meu caso. Ele providencia um estacionamento quando preciso, um telefonema para me animar quando estou “para baixo”, uma risada para levar embora minha tristeza, bonança após a tempestade e devocionais como estes para me mostrar que não estou sozinha. Deus fará a mesma coisa por você e intervirá no seu caso também, na hora exata.

Escrito por Sharon Long Brown




Maria escolheu a boa parte

Maria escolheu a boa parte. Lucas 10:42, NVI.

Eu assistia, recentemente, a uma reunião campal na Carolina do Sul. Enquanto me encaminhava às portas do pavilhão, tropecei acidentalmente e caí prostrada na entrada de cimento. Muito constrangida quando ouvi alguém dizer “Ligue para o 911”, abri os olhos e olhei ao redor. Um rapaz dizia: “Vamos erguê-la”.

Chegando de não sei onde, apareceram seis rapazes – anjos, na verdade – que me puseram em pé e perguntaram sobre minha condição física. Ainda aturdida, agradeci-lhes e me dirigi ao sanitário, a fim de ajeitar minha roupa. Meu esposo e outras pessoas insistiram para que eu fosse buscar atendimento médico no hospital. Depois de uns 30 minutos concordei, e meu esposo me levou ao hospital. Ali foi diagnosticada uma fratura no meu braço direito. Fui engessada e passei os cinco dias seguintes na cama.

Com o braço engessado e na tipoia, finalmente voltei ao pavilhão e apreciei as mensagens, agradecendo ao meu Senhor as provações que nos fortalecem. O adversário, o diabo, aguarda a oportunidade de nos fazer tropeçar. O Senhor permite apenas aquilo que nos fará saber que Ele é o Senhor. Deus tinha anjos acampados ao redor para me auxiliarem, a fim de que não resultasse um dano permanente daquela queda tão feia. Essa experiência, na verdade, me levou para mais perto do meu Senhor e Salvador.

Quando chegou a manhã do sábado, eu estava ansiosa para chegar à igreja, mas vestir-me era um processo muito mais lento, com o uso de apenas um braço. Fiquei desalentada, porque colocar a meia-calça era difícil demais. O inimigo tentou desanimar-me, dizendo: “Você nunca foi à igreja sem meia-calça.” Por muitos anos, sempre prestei atenção àquilo que minha família vestia, pois creio que devemos servir nosso melhor alimento e vestir nossas melhores roupas no sábado.

Desta vez, contudo, fui à igreja sem prestar atenção a todos os pequenos detalhes – sentia-me grata por ter o desejo de ir à igreja e prestar culto a Deus. Algumas coisas que julgamos tão importantes, não o são. Pense em Maria e Marta, nos tempos bíblicos. Marta se concentrava em todos os pequenos detalhes, porém Maria escolheu sentar-se aos pés de Jesus para ouvir e ser abençoada.

Querido Senhor, muitas vezes prestamos atenção a pormenores que não são importantes. Sabemos que eles precisam ser considerados, mas dá-nos o santo discernimento de escolher a boa parte, para que sejamos abençoadas.


Escrito por Betty G. Perry

Salvo Pela Graça

Se seu coração está apertado, se voce se sente perdido, se acha que não tem mais chance de salvação?

Saiba que voce todos os dias é salvo pela graça de Cristo....Confie no Senhor todos os seus problemas e dificuldades e Ele te ouvirá....abra seu coração para escutar a voz do Espírito Santo.

Que esta musica traga conforto para o seu coração.

Se alguém precisar de oração deixa um recadinho...vou orar por voce.


Fugir às vezes é a melhor saída

BOM DIA MEUS AMIGOS!!!!!!!

Como pois faria eu tamanha maldade, e pecaria contra Deus? (Gênesis 39:9).

O que acontece quando um jovem se encontra sozinho, sem ninguém para o observar, com total liberdade de fazer o que desejar? José não buscou estar em tal situação, mas foi o que aconteceu quando servia a Potifar. Os caminhos de Deus o levaram até ali, e José tinha a aprovação do Senhor. Isso lhe deu forças quando a tentação surgiu. É comum homens jovens estarem em situações difíceis e têm razões para agradecer quando são livrados de pecar.

No caso de José, a mulher de seu amo aproveitou a oportunidade para tentar seduzi-lo, chegando ao ponto de querer forçá-lo a cometer adultério. A casa estava vazia, e José era um estrangeiro, que ninguém conhecia. Sua família não tinha a menor idéia de seu paradeiro. Então, o que ele tinha a perder? O que o impedia de fazer o que quisesse? A força mais poderosa capaz de desviar alguém do mal: o temor do Senhor!

José tinha limites: ele receava quebrar a confiança de seu senhor (v. 8) e não queria cometer adultério (v. 9). Sua resistência ficou bem clara no versículo de hoje.

Quando a mulher ímpia tentou forçá-lo, ele fugiu – e teve de pagar um alto preço por isso. Há perigos que só podem ser evitados por uma corajosa fuga. Não é a toa que 1 Coríntios 6:18 afirma: “Fugi da prostituição”. Isso é necessário por causa da natureza enganosa desse tipo de pecado.

José é um exemplo não de terror de Deus, mas de reverência. Temer a Deus é reconhecer que Ele é Senhor e agir de acordo com essa convicção. Um filho de Deus não tem medo do Pai, mas tem santo temor, pois conhece a autoridade e a santidade divinas.

Fonte: http://www.apaz.com.br

É HORA DE DESPERTAR!!!!!!!!

Vi que o povo de Deus deve estar estreitamente unido pelos laços da comunhão e do amor cristãos.

Unicamente Deus pode ser nosso escudo e fortaleza nesse tempo de calamidades nacionais. O povo de Deus deve despertar. Suas oportunidades de disseminar a verdade devem ser melhor aproveitadas, pois não durarão muito. Foram-me mostradas aflições e perplexidade e fome na Terra. Satanás está agora procurando manter o povo de Deus em um estado de inatividade, para os impedir de desempenhar sua parte na propagação da verdade, a fim de que sejam afinal pesados na balança e encontrados em falta.

O povo de Deus deve acatar a advertência e discernir os sinais dos tempos. Os sinais da vinda de Cristo são demasiado claros para deles se duvidar; e em vista destas coisas, todo aquele que professa a verdade deve ser um pregador vivo. Deus chama a todos, tanto os pregadores como o povo, para que despertem. Todo o Céu está alerta. As cenas da história terrestre estão em rápido desfecho. Achamo-nos entre os perigos dos últimos dias.

Maiores perigos se encontram diante de nós, e ainda não estamos despertos. Esta falta de atividade e fervor na causa de Deus, é terrível. Este mortal torpor vem de Satanás. Ele controla a mente dos não consagrados observadores do sábado, levando-os a terem suspeitas uns dos outros, a criticar, a serem censores. É sua obra especial dividir os corações, para que a influência, a força e o trabalho dos servos de Deus se mantenham entre não consagrados observadores do sábado, e seu precioso tempo seja ocupado em ajustar pequenas desinteligências, quando devia ser empregado em proclamar a verdade aos incrédulos.

Foi-me mostrado o povo de Deus esperando que ocorresse alguma mudança - que um compulsivo poder deles se apoderasse. Mas ficarão decepcionados, pois estão em erro. Precisam agir; precisam lançar por si mesmos mãos ao trabalho, e clamar fervorosamente a Deus por um genuíno conhecimento de si próprios. As cenas que estão passando diante de nós, são de magnitude suficiente a fazer-nos despertar, levando insistentemente a verdade ao coração de todos os que quiserem escutar. A seara da Terra está quase madura.

É chegado o tempo em que os que escolhem ao Senhor como sua presente e futura porção, devem confiar unicamente nele. Todos quantos professam piedade devem possuir uma experiência individual. O anjo relator está fazendo um registro fiel das palavras e atos do povo de Deus. Os anjos estão observando o desenvolvimento do caráter, e pesando o valor moral. Os que professam crer na verdade devem ser, eles mesmos, justos, e exercer toda a sua influência para esclarecer e ganhar outros para a verdade. Suas palavras e obras são o veículo através do qual são transmitidos ao mundo os puros princípios da verdade e da santidade. Eles são o sal da Terra, e a sua luz.

Que direi a fim de despertar o povo remanescente de Deus? Foi-me mostrado que estão diante de nós terríveis cenas; Satanás e seus anjos estão reunindo todas as suas forças para oprimir o povo de Deus. Sabe que, se eles dormirem um pouco mais, está seguro quanto a eles, pois é certa sua destruição. Advirto a todos os que professam o nome de Cristo a que se examinem rigorosamente, e façam plena e cabal confissão de todos os seus erros, a fim de que os mesmos vão antecipadamente a juízo, e o anjo relator possa escrever ao lado de seus nomes o perdão.

Meu irmão, minha irmã, caso estes preciosos momentos de misericórdia não sejam aproveitados, sereis deixados sem desculpa. Se não fizerdes especial esforço para despertar, se não manifestardes zelo em vos arrepender, esses áureos momentos em breve passarão, e sereis pesados na balança e achados em falta. Então de nada hão de aproveitar vossos brados de angústia. Aí se aplicarão as palavras do Senhor: "Mas, porque clamei, e vós recusastes; porque estendi a Minha mão, e não houve quem desse atenção; antes rejeitasses todo o Meu conselho, e não quisestes a Minha repreensão; também Eu Me rirei na vossa perdição, e zombarei, vindo o vosso temor.

Vindo como assolação o vosso temor, e vindo a vossa perdição como tormenta, sobrevindo-vos aperto e angústia, então a Mim clamarão, mas Eu não responderei; de madrugada Me buscarão, mas não Me acharão. Porquanto aborreceram o conhecimento; e não preferiram o temor do Senhor; não quiseram o Meu conselho, e desprezaram toda a Minha repreensão. Portanto comerão do fruto do seu caminho, e fartar-se-ão dos seus próprios conselhos. Porque o desvio dos simples os matará, e a prosperidade dos loucos os destruirá. Mas o que Me der ouvidos habitará seguramente, e estará descansado do temor do mal." Prov. 1:24-33.

Extraído do Livro TESTEMUNHO SELETOS, vol. 1 , pg. 87-89

Don't be afraid - Não tenha Medo

"Se fiz descobertas valiosas, foi mais por ter paciência do que qualquer outro talento." Isaac Newton


Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar.

Mas é importante não parar.

Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso. Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena.

Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios.

Continue andando e fazendo.

O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente.

A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele.

Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo.

Então continue andando e fazendo. Não desperdice a base que você já construiu. Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante. Pode não ser muito mas vai mantê-lo no jogo....

Vá rápido quando puder.

Vá devagar quando for obrigado.

Mas, seja, lá o que for, continue.

O importante é não parar.

(autor desconhecido)

Lembre da minha ordem: “Seja forte e corajoso! Não fique desanimado, nem tenha medo, porque eu, o SENHOR, seu Deus, estarei com você em qualquer lugar para onde você for!” Josué 1:9 NTLH

Evônimo-da-américa

QUE TODOS OS AMIGOS TENHAM UM MARAVILHOSO DIA!!!!


Não cobiçarás a casa do teu próximo [...] nem coisa alguma que pertença ao teu próximo. Êxodo 20:17.

Estava para entrar no meu carro quando vislumbrei meu vizinho recolhendo os vasos do seu jardim devido à mudança de estação. Chamei-o e elogiei as cores vibrantes dos seus pés de evônimo-da-américa. Como Bill é horticultor, pedi-lhe que desse uma olhada nos meus. Com exceção de algumas poucas folhas, meus arbustos ainda se conservavam muito verdes, enquanto os dele se cobriam de um vermelho vivo. A aparência dos meus era tão diferente daquela dos arbustos do vizinho que, embora parado a poucos metros deles, ele perguntou que planta era aquela.

Meus pés haviam sido plantados alguns anos antes dos dele. Nós os havíamos escolhido especificamente por causa do tom vermelho-alaranjado que deviam apresentar no outono. Examinando-os mais de perto, Bill confirmou o que suspeitávamos – os arbustos se ressentiam da falta de umidade por causa de sua localização no jardim. Enquanto se afastava, ele disse ao meu esposo, em tom de brincadeira, que os arbustos dele eram melhores que os nossos.

Aqui está a lição. Sempre me considerei uma pessoa cobiçosa, mas só com respeito a coisas boas. Afinal, somos estimulados, em 1 Coríntios 12:31, a procurar com zelo os melhores dons. Interpreto isso como significando “desejem as melhores coisas”, mas não de modo odioso nem invejoso. Neste caso, devo admitir ter sentido alguma inveja do meu vizinho, por seu óbvio sucesso com os arbustos. O resultado dessa experiência é ter aprendido que nos encontramos numa ladeira muito escorregadia, quando usamos o eu como padrão pelo qual medir nossas normas e comportamento cristão.

Foi necessário apenas um simples incidente para que minha cobiçosa natureza humana aparecesse em primeiro plano. O remédio para a falta de cor no meu evônimo-da-américa é muito simples. Aprendi que regar as plantas de maneira regular nos meses de verão produz cores vivas no outono. Estou empenhada em fazer o que for necessário para obter o resultado que desejo em meu jardim no próximo outono. Também estou empenhada em ter a Cristo como meu único padrão, daqui para a frente.

Caso você se identifique com esta lição, convido-a sinceramente a assumir o mesmo compromisso hoje. E lembre-se: não cobice coisa alguma do seu próximo, nem mesmo os arbustos do jardim dele.


Escrito por Avis Mae Rodney

Os fracassos antecedem o sucesso

Toda a multidão, porém, gritava: Fora com este! Solta-nos Barrabás! Lucas 23:18

Em 4 de julho de 1952 a nadadora americana Florence Chadwick entrou no mar, na costa da Califórnia, e começou a nadar em direção à ilha de Catalina, a 33 km de distância. Ela estava decidida a ser a primeira mulher a fazer essa travessia.

Mas, a certa altura, um denso nevoeiro desceu sobre o mar, de modo que ela não conseguia ver nem mesmo os barcos que a acompanhavam para espantar os tubarões. Após 15 horas nadando na água fria, em meio ao nevoeiro, ela gritou para sua mãe e para seu treinador: “Vou sair. Não consigo ir adiante.” Eles tentaram convencê-la a não desistir, mas ela parou e subiu para o barco.

Qual não foi a sua decepção, porém, ao perceber que estava a menos de um quilômetro da chegada. Ela disse: “Se eu tivesse visto a praia, acho que conseguiria nadar até lá.”

Dois meses mais tarde, ela tentou de novo. Desta vez foi diferente. O mesmo nevoeiro espesso desceu sobre o mar outra vez, mas ela nadou até à praia porque manteve uma imagem mental da costa enquanto nadava.

Você já fracassou em alguma coisa? Nos estudos, no vestibular, no trabalho, no casamento, ou em algum projeto de vida? Fica acordado à noite pensando em alguma palavra que não devia ter falado ou em algo que não devia ter feito? Você não está sozinho, pois os fracassos fazem parte da vida. Não só de algumas pessoas, mas de todas. Todos metem os pés pelas mãos, às vezes. Todos passam por constrangimentos.

Mas o fracasso nunca deve ter a última palavra, pois ele geralmente prepara o caminho para o sucesso. Quando Napoleão Bonaparte tinha 17 anos, julgava-se fracassado e pensava em suicidar-se. “Para onde se volvem hoje meus pensamentos?”, escreveu ele. “Para a morte... Por que deveria continuar vivendo se nada do que concerne a mim, prospera?” No entanto, galgou os degraus da fama e da fortuna. O segredo está em aprender com os fracassos e continuar insistindo. Raramente alguém é bem-sucedido logo na primeira tentativa.

Na eleição popular para decidir quem deveria ser solto, Jesus foi derrotado, pois o povo escolheu Barrabás. Em sua hora suprema, ao pedir ao Pai que, se possível, O poupasse daquele cálice amargo, não teve o Seu pedido atendido, e foi crucificado. Aquelas aparentes derrotas, porém, foram apenas o prelúdio de Sua estrondosa vitória no terceiro dia, quando ressurgiu dos mortos.

A vitória de Cristo é também a nossa. Em Sua cruz, foram cravados todos os nossos fracassos. Glória! Aleluia!

Meditações Diárias - Rubem Scheffel

Mensagens

Assim também a luz de vocês deve brilhar para que os outros vejam as coisas boas que vocês fazem e louvem o Pai de vocês, que está no Céu. Mateus 5:16, NTLH.

Na rua onde moro, é tradição pendurar um balão rosa ou azul na cerca, quando alguém tem um novo neto. A maioria dos moradores se mudou para cá quando o subúrbio foi formado, e nossos filhos cresceram juntos. Os anos passaram rapidamente e meus quatro filhos (dois meninos e duas meninas) têm agora suas próprias famílias, abençoando-me com oito preciosos netos.

No dia 24 de setembro de 2003, foi minha vez de pendurar orgulhosamente um balão rosa na cerca, proclamando a chegada de Jasmine. Então, exatamente uma semana depois, um balão azul anunciou a chegada de Bradley. Os vizinhos ao lado notaram logo a mudança de cor, com poucos dias de diferença. Sem saber que aguardávamos dois, tão perto um do outro, eles perguntaram, sinceramente, se eu havia cometido um erro. Pronta e orgulhosamente, traduzi a mensagem dos balões.

Há maneiras incontáveis pelas quais enviamos e recebemos mensagens, e todas parecem exigir nossa atenção. Meu telefone celular me faz lembrar disso, com suas mensagens de texto. A tecnologia moderna dispara mensagens de um lado para o outro do mundo, via satélite. Há secretárias eletrônicas, máquinas de fax, e-mails, telefones – e não nos esqueçamos de um pequenino aparelho chamado bipe.

Algumas das mais belas mensagens que recebi aquecem o coração: “Eu te amo”, “Tenha coragem”, “Estou pensando em você”, “Orando por você”, e muitas outras. Que usemos essas pequenas frases como dádivas para aqueles que nos rodeiam, pois a lembrança de doces palavras alegra o coração num mundo que dá tantas mensagens tristes. 

A Bíblia oferece mensagens de esperança e conforto, outras de instrução ou advertência, tendo Deus enviado todas elas com amor. Após receber Suas mensagens, é importante lembrar que minhas palavras e meus atos são mensagens visíveis que dou a todos com quem me encontro, cada dia. Oro para que meus vizinhos me interpretem como uma testemunha verdadeira, diferente da mensagem confusa que a mudança de cor dos balões apresentou.


Escrito por Lyn Welk-Sand

OBEDIÊNCIA PLENA - Deus sabe o que pedi.

Filho do homem, Eu vou lhe tirar a esposa que você tanto ama. Ela vai morrer, de repente. Apesar disso, você não vai chorar por ela em público, nem vai se lamentar ou derramar lágrimas por ela. Ezequiel 24:16, BV

No Antigo Testamento Deus provou várias vezes a fé dos Seus profetas, dando-lhes ordens aparentemente absurdas. No caso de Abraão, por exemplo, Deus mandou que ele sacrificasse Isaque, o filho da promessa. Abraão se dispôs a obedecer, e na hora “H” Deus salvou Isaque de ser imolado. A fé de Abraão fora provada sem derramamento de sangue.

Ao profeta Oseias Deus ordenou que ele se casasse com uma prostituta, e o profeta obedeceu. A Ezequiel Deus ordenou que ele não lamentasse a morte da esposa, “a delícia dos seus olhos” (24:25), a qual morreria de repente. Em todas essas ordens, que devem ter parecido incompreensíveis a princípio, havia lições espirituais que Deus queria transmitir, ou ao próprio profeta, ou ao Seu povo.

Ezequiel anunciou a mensagem do Senhor ao povo pela manhã, e na tarde daquele mesmo dia sua esposa faleceu. “A experiência de Ezequiel forçosamente ensina a lição de que o estar envolvido na obra do Senhor não significa estar isento de sofrimento e calamidade. Às vezes, parece que os mensageiros de Deus são mais ferozmente atacados do que outros, que não estão ativamente envolvidos no serviço cristão. Essas tragédias não devem ser consideradas juízos divinos. Elas são obra de Satanás. Mas quando o inimigo aflige, Deus Se deleita em transformar a aflição em bem” (SDA Bible Commentary, v. 4, p. 662).

Ezequiel seguiu à risca as instruções divinas, e embora amasse profundamente a esposa, não fez a lamentação costumeira. Sofreu calado. O povo achou isso estranho e lhe perguntou o significado daquela atitude. Por que ele não chorava nem se afligia como todo mundo? Sua conduta era considerada impiedosa.

Então Ezequiel explicou que sua mulher representava o Templo, “a delícia dos olhos” deles, o qual seria profanado, isto é, destruído pelos caldeus, e seus filhos e filhas seriam mortos. E da mesma maneira como ele não chorou em público pela esposa, eles também não deveriam lamentar publicamente a destruição do Templo. Antes, deviam chorar pelos seus pecados.

Ezequiel encenou uma parábola viva, cumprindo as ordens divinas nos mínimos detalhes, e nos deixando um exemplo de fidelidade.


Meditações diárias - Rubem Scheffel

Tive que Orar a Respeito

FELIZ SÁBADO!!!!!
Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós. 1 Pedro 5:7.

Meu esposo e eu acabávamos de nos mudar novamente, do Texas para a Flórida, e fui ao Departamento de Veículos Motorizados para fazer constar a mudança de endereço na minha carteira de habilitação. Era um procedimento simples – ou assim pensava eu, até que me vi face a face com um funcionário severo. “Não, senhora, não pode ser assim”, disse ele bruscamente. “Precisa provar que seu seguro da Flórida foi contratado, ou então terá que pagar 150 dólares.” Depois, ele abrandou um pouco. “Mas verifique com a funcionária no guichê 2. Ela poderá ajudá-la.”

Aliviada, corri para a mulher e expliquei meu dilema. “Ah, sim”, disse ela, bondosamente. “A senhora pode fazer isso, se tiver consigo os documentos do seu seguro do Texas.” Eu sabia que tinha os documentos, mas estavam no carro.

Retornando ao escritório poucos minutos depois, fiquei surpresa ao descobrir que não poderia entrar. O funcionário junto à porta, o mesmo que havia rejeitado meu pedido antes, disse: “Seus documentos dizem Texas, e não Flórida. Terá que voltar amanhã.”

Orei a respeito do meu problema a noite toda, e então fui mais específica no meu pedido. Querido Senhor, por favor, não permitas que eu tenha que tratar com aquele homem rabugento outra vez e, por favor, que tudo dê certo!

Bem cedo, de manhã, voltei ao escritório e fui para a fila. Emocionada, notei que o funcionário não se encontrava à porta. “Muito obrigada, Senhor”, sussurrei, enquanto a fila andava lentamente na direção do guichê de outro funcionário.

Quando cheguei ao guichê, porém, ele me mandou para a mesa do homem com quem eu havia tratado antes. Querido Senhor, orei fervorosamente, por favor, resolve as coisas para mim. Então, uma coisa maravilhosa aconteceu, algo que só Deus podia fazer. Quando havia apenas duas pessoas na minha frente, o funcionário foi chamado. Quando chegou minha vez, um homem cordial estava ali. A questão foi resolvida fácil e rapidamente.

Às vezes, na vida, preocupamo-nos tanto que nos esquecemos de orar. Deus deseja que reconheçamos nossa necessidade do Seu auxílio. Quando Lhe pedimos, Ele nos ajuda. Ele cuida de nós!

Escrito por Naomi Liptrot

SENTIMENTOS!!

Tu, Senhor, conservarás em perfeita paz aquele cujo propósito é firme; porque ele confia em Ti. Isaías 26:3

Sentimentos! Como lidar com eles?

Você já teve a sensação de solidão?

Já achou que ninguém a compreende?

Já sentiu que não tem uma amiga no mundo?

Teve vontade de entrar no carro e ir embora?

Esteve para derramar lágrimas sem saber por quê?

Sentiu que ninguém a ama, nem mesmo Jesus?

Nesse caso, lembre-se, sempre, de orar. Com Deus, você nunca está só. “Eu amo os que Me amam; os que Me procuram Me acham” (Provérbios 8:17).

Se você já experimentou um desses sentimentos, não está sozinha! Você não está doida, não está perdendo o controle, porque Deus é amor.

Em 1 João 4:7, lemos: “Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor procede de Deus; e todo aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.”

Se você colocar sua confiança em Deus quando lhe vierem esses sentimentos, Jesus colocará Seus amoráveis braços ao seu redor e lhe dará paz, perfeita paz – maravilhosa paz!

 “Quanto ao mais, irmãos, adeus! Aperfeiçoai-vos, consolai-vos, sede do mesmo parecer, vivei em paz; e o Deus de amor e de paz estará convosco” (2 Coríntios 13:11).

No futuro, quando lhe vierem esses sentimentos, leia o Salmo 27:7: “Ouve, Senhor, a minha voz; eu clamo; compadece-Te de mim e responde-me.”

O Salmo 28:8 também ajuda muito: “O Senhor é a força do Seu povo, o refúgio salvador do Seu ungido.”

Deus compreende todos os nossos sentimentos e nos ajuda a lidar com eles.

Senhor, muito obrigada por Tua compaixão e cuidado para comigo. Quando me sinto cansada do estresse da vida, ajuda-me a recordar que posso achar descanso e conforto em Ti. “Na minha angústia, invoquei o Senhor, gritei por socorro ao meu Deus. Ele do Seu templo ouviu a minha voz, e o meu clamor Lhe penetrou os ouvidos” (Salmo 18:6). Dá-me paz interior. Quando estiver deprimida, concede-me paz, indizível paz. Que eu ame a mim mesma e confie em Ti, porque disseste: “Eu amo os que Me amam; os que Me procuram Me acham” (Provérbios 8:17). Em nome de Jesus, amém!


Escrito por Hattie R. Logan




Conserte só os ponteiros!!!

Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá? Eu, o Senhor, esquadrinho o coração e provo os rins (Jeremias 17:9-10).

Um senhor idoso envolvido em atividades pastorais estava sentado com sua Bíblia aberta tendo diante de si um prisioneiro de meia-idade. “Eu ficaria muito agradecido se o senhor me visitasse todas as semanas. Ainda tenho seis meses para cumprir aqui. Nesse tempo, tenho de dar um rumo para minha vida. Meu pai sempre martelava em nossos ouvidos para fazer o que é certo e não temer ninguém. Eu ignorei isso e agora tenho de sofrer as conseqüências”.

O senhor sorriu e replicou: “Isso me lembra uma história que ouvi na juventude: um indiano entrou em uma relojoaria, colocou os ponteiros de um relógio em cima do balcão e pediu que o relojoeiro os consertasse, pois há varias semanas os ponteiros estavam mostrando a hora errada. ‘Onde está o relógio?’ – perguntou o profissional. “Lá na minha tenda”, respondeu o cliente. ‘Bem, se você não me trouxer o relógio, não vou poder ajudá-lo.’ O indiano ficou bravo: ‘Eu já lhe disse que só os ponteiros é que estão com defeito. Não há nada de errado com a máquina do relógio. Mas eu sei por que você quer o relógio: para poder cobrar mais pelo serviço!’ E então se virou e saiu bufando de raiva.

O ancião continuou: “Parece que você cometeu o mesmo erro. Você queria que apenas os ponteiros fossem consertados. Queria só mudar o exterior. Você não admitiria que seu relógio, ou seja, o seu coração estava defeituoso. Deus deseja todo o seu ser para limpá-lo completamente. Abra seu coração, confesse todos os seus pecados e sua culpa diante de Deus. Esse é o único caminho para se tornar um novo homem, inteiramente diferente”.

Deus não “conserta”, não “remenda”, e nem “melhora” ninguém! Por meio do novo nascimento, Ele nos faz “nova criatura; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo” (2 Coríntios 5:17).

O verdadeiro Davi

FELIZ SÁBADO A TODOS OS AMIGOS!!!!!!!

E ajuntou-se a ele todo o homem que se achava em aperto, e todo o homem endividado, e todo o homem de espírito desgostoso, e ele se fez capitão deles (1 Samuel 22:2).

Que estranha companhia se reuniu em torno de Davi na caverna de Adulão! No entanto, temos aqui uma ilustração do verdadeiro Davi, Jesus Cristo (a quem Davi tipifica) e daqueles que escolheram segui-Lo.

O que esses homens desprezados tinham em comum com os interesses do rei Saul? Absolutamente nada!

Haviam encontrado um novo centro, e a união deles com Davi os separava de tudo o mais em Israel.

Não importa qual a situação terrível em que estavam envolvidos, agora todos eram servos de Davi, e este era o capitão deles. Isso lhes dava uma nova característica. Aqueles homens tinham se identificado com o ungido de Deus, embora ele fosse rejeitado pelo povo, e compar­tilhavam dos interesses dele.

Tendo escapado da influência e domínio de Saul, agora estavam em comunhão com o rei rejeitado e perseguido. As dívidas, a opressão, a amargura, enfim, tudo havia ficado para trás. O amor e o favor de Davi eram a porção diária de seus estranhos servos. A esperança de cada um estava em um futuro glorioso ao lado do legítimo rei de Israel.

ão deveria ser diferente hoje. Por meio da graça e da direção de Deus, nós chegamos até o Senhor Jesus, o Ungido de Deus, rejeitado e desprezado pelo mundo. Ele perdoou nossa culpa e eliminou toda a amargura e o medo. Qual a nossa reação diante de tamanha graça? Procuramos nos reunir em torno do “príncipe da salvação” (Hebreus 2:10), motivados por amor e gratidão? Ou voltamos para o reino de Saul, em outras palavras, para o mundo? Vivamos como os servos de Davi, que desfrutavam da presença do capitão, mas aguardavam o momento em que o rei iria ocupar publicamente o lugar que lhe era devido.

Fonte: http://www.apaz.com.br

Arrependimento no sentido bíblico


O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se (2 Pedro 3:9).

O versículo de hoje nos diz que o arrependimento é necessário para que alguém seja salvo, isto é, não seja sentenciado à condenação eterna. Sabemos que nem todas as pessoas têm idéia do que realmente significa arrependimento. Muitos sinceramente acreditam que isso significa se livrar da culpa do pecado que têm diante de Deus. Para tanto, acham que precisam se esforçar e fazer coisas que, segundo a opinião deles mesmos, Deus Se agradaria e assim lhes concederia o perdão e bênçãos.

É possível impedir o julgamento de Deus dessa maneira? A Bíblia, a Palavra de Deus, nos ensina que o homem em sua natureza pecaminosa é incorrigível e não pode mudar o seu estado através de seus próprios esforços. Foi por isso que o Senhor Jesus disse: “Necessário vos é nascer de novo” (João 3:7).

Deus busca trazer todos ao ponto de admitirem diante dEle e para si mesmos que são pecadores irremediavelmente perdidos. Quem passa por esse processo, julgando e confessando todos os seus erros, se “arrepende” no sentido bíblico do termo.

O arrependimento, por si só, não muda o estado corrupto do coração humano e nem invalida o julgamento divino sobre nós. É preciso ir além e aceitar o caminho que Deus mostrou para que fôssemos salvos: a obra de Seu Filho, Jesus Cristo, na cruz. Quem crê nessa obra redentora e se rende ao Salvador se torna filho de Deus, salvo e nascido de novo.


O Segredo da Vitória

Então, o diabo O levou à Cidade Santa, colocou-O sobre o pináculo do templo e Lhe disse: Se és Filho de Deus, atira-Te abaixo, porque está escrito: Aos Seus anjos ordenará a Teu respeito que Te guardem; e: eles Te susterão nas suas mãos, para não tropeçares nalguma pedra. Mateus 4:5, 6

Quando Jesus foi batizado, Satanás ouviu muito bem a voz do céu que disse: “Este é o Meu Filho amado, em quem Me comprazo” (Mt 3:17). Nessa ocasião o semblante de Cristo resplandeceu à luz do céu. Entretanto, após 40 dias de jejum, no deserto, Sua aparência havia mudado muito. Estava agora pálido, esgotado, emagrecido e mais parecia um ser humano a ponto de morrer do que o Filho de Deus. Daí a dúvida que o diabo tentou lançar na mente de Jesus, começando as duas primeiras tentações com as palavras: “Se és Filho de Deus...”

Essas tentações, na verdade, consistiam em levar Jesus a usar o Seu poder em benefício próprio. Mas Jesus havia concordado em viver como ser humano e em não usar poder não disponível a nós. Como seres humanos, temos acesso ao poder que vem do alto, não de dentro de nós. Jesus tinha acesso ao poder dentro de Si, mas não poderia utilizá-lo se quisesse salvar a humanidade. O diabo não pode nos tentar nesse aspecto, pois não temos poder próprio. Jesus tinha.

O âmago dessas tentações era o seguinte: “Será que Você confia em Deus o suficiente para esperar que Ele Lhe diga o que fazer? Ou resolverá o problema por Si próprio e agirá independentemente?” Raoul Dederen diz: “Quando você e eu somos tentados hoje, a situação é a mesma. Quando caminhamos pelas ruas da cidade, ou quando assistimos televisão, ou conversamos, lemos um livro, ou nos deitamos – qualquer que seja a forma que a tentação assuma, o ponto crucial é este: Continua Deus a ser o primeiro em minha vida? Submeto-me a Sua palavra, ou tomo as rédeas em minhas próprias mãos?”

Na segunda tentação, o diabo citou as Escrituras, mas fora de seu contexto. Para provar que o diabo havia aplicado mal as palavras do Salmo 91:11, 12, Jesus citou outro texto: Deuteronômio 6:16: “Não tentarás o Senhor, teu Deus”, cujo contexto estabelece as circunstâncias sob as quais as bênçãos de Deus devem ser solicitadas (v. 17-25). Isso significa que, além de conhecer bem as Escrituras, é preciso conhecer também a vontade de Deus.

“Cristo não venceu só porque citou as Escrituras, como alguns pensam. Ele venceu porque colocou Deus em primeiro lugar” (Raoul Dederen).

Este é o segredo da vitória.

Meditação Diária - Rubem Scheffel

PERDÃO!!!!!!!!!!!!!!!


Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado. João 15:3.

Há ocasiões na vida em que falhamos com Deus, de modo que nos sentimos culpadas e não Lhe reconhecemos a presença. Ainda assim, pedimos: “Senhor, por favor, ouve-me!”

Minha prima e eu estávamos tendo alguns desentendimentos e não nos falávamos fazia meses. Orei: “Senhor, eu já a perdoei, mas não quero mais falar com ela.” Eu sabia que era uma atitude errada.

Pedi algo de Deus, mas parecia que Ele não me ouvia. Eu não sentia a presença dEle ao meu lado; sabia que precisava fazer algo. De coração, sabia que devia primeiro pedir o perdão de Deus. Então, orei de novo e Lhe pedi que me perdoasse. “Sei que não é fácil perdoar totalmente alguém que a magoou, mas, por Te amar, Senhor, vou fazê-lo por Ti. Quero pedir Teu perdão, Senhor; por favor, dá-me um sinal de que já me perdoaste, Pai. Não quero estar longe de Ti, porque nada posso fazer sem Ti ao meu lado.”

Depois de assistir ao culto de pôr do sol, voltei ao dormitório. Ao passar por minha cama, vi um papel recortado em forma de borboleta, sobre o qual estava escrito: “Feliz sábado, Kathy. João 15:3.” Era de uma das minhas companheiras de quarto. Abri a Bíblia e li o texto de hoje: “Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado.” Entendi naquele momento que Ele usara minha colega de quarto para me fazer saber que, embora eu houvesse falhado, Ele continua sempre acessível, pronto a perdoar quando Lhe pedimos perdão com o coração sincero.

Deus nunca nos deixará; é nosso pecado que nos separa do Senhor. Ele nos ama, e sou agradecida por tê-Lo na minha vida. Valorizo a promessa adicional encontrada em Filipenses 4:13: “Tudo posso nAquele que me fortalece.”

Serei sempre grata a Deus por ter entrado em minha vida e me aceitado como filha. Sei, de fato, que Ele nunca me deixará – e não deixará você! Amiga, você também tem alguém a quem precisa perdoar? Talvez não tenha sido fácil, nem para Jesus, perdoar àqueles que O maltratavam. Posso dizer que não é fácil, mas com Jesus é possível. E ah! Como nos sentimos bem, depois!

Eu Te amo, Senhor, e sempre Te amarei e louvarei, todos os dias da minha vida.

Escrito por Kathy Sonio Zausa

Perfume que Perdura

Quando derramou este perfume sobre o Meu corpo, ela o fez a fim de Me preparar para o sepultamento. Mateus 26:12, NVI.

Gosto realmente de perfume – acho que todas as mulheres deviam sempre usar perfume. E por que não os homens, também? Se você não possui um perfume francês, use uma fragrância que se espalhe quando você passa por alguém. Minhas noras, Alesandra e Belinda, gostam de me dar perfume. Elas sempre encontram algo que seja do meu gosto.

Um dia, eu visitava uma delas e, depois de realizar algumas tarefas, fui ver vitrines num grande shopping. Enquanto eu saía, Belinda abriu sua bolsa e tirou generosamente algum dinheiro, colocando-o em minhas mãos. Sorriu e disse: “Leve esse dinheiro e compre um perfume para a senhora.”

Tenho certeza de que meu rosto estava radiante quando saí da loja com meu perfume favorito nas mãos. “Obrigada, Belinda; muito, muito obrigada”, disse eu, com sinceridade em cada palavra.

Há perfumes caros e muito bons, que permanecem impregnados na roupa e/ou no corpo durante longo tempo. Foi isso que aconteceu durante a festa realizada na casa do ex-leproso Simão. Pouco tempo depois, Jesus seria crucificado. Mas ali estava Maria – a desprivilegiada, a rejeitada, a maltratada – derramando um perfume que perduraria por horas na cabeça e nos pés do Mestre. Era um perfume muito especial, preparado na mais sofisticada perfumaria de Jerusalém. Era o melhor que Maria tinha para oferecer-Lhe.

O corpo inteiro foi coberto com a fragrância, e tenho certeza de que mais tarde, após ter Ele sido açoitado, ao ser levado para a crucifixão, a fragrância daquele perfume que Lhe fora dado por Maria emanou do Seu corpo com o sangue que corria.

Em Seu cabelo saturado de sangue havia perfume. Ao pé da cruz, enquanto Suas vestes estavam sendo divididas, o aroma do perfume ainda permanecia nas roupas.

Quando somos ofendidas, criticadas e nos tornamos vítimas de discriminação, emana de nós aquele perfume que permanece – o perfume do perdão, da bondade, da paciência e do autocontrole?

Aquele que foi ofendido, açoitado e crucificado exalou perfume, e, quando saiu da tumba, deixou ali Suas vestes, dobradas e perfumadas com a essência do amor por nós – uma fragrância que perdura até hoje.

Escrito por Zuila Vila Nova Rodrigues

PENSE NISSO!!!!!!!!!!!!


Todos nós, como seres abençoados por Deus com a faculdade de raciocinar, com intelecto e juízo, devemos reconhecer nossa responsabilidade diante de Deus. A vida que nos deu é uma sagrada responsabilidade, e nem um só momento dela deve ser tomado às presas, pois teremos que nos encontrar de novo com ele nos registos do juízo.

Nos livros do céu nossas vidas estão delineadas tão cuidadosamente como a imagem na placa do fotógrafo. Não só somos tidos por responsáveis do que fazemos, senão por aquilo que deixamos de fazer. Teremos que dar conta de nossos carateres não desenvolvidos, das oportunidades que não aproveitamos (RH 22- 9- 1891).

Mais uma semana se inicia e com ela as oportunidades que Deus nos concede de fazermos as escolhas certas e usarmos todo o potencial que Deus nos confiou.

A TODOS UMA  BOA SEMANA!!!!!!!!!

Notícias de Rafinha

Queridos Amigos...

Dias atrás pedi oração por Rafaela (Rafinha) uma menininha que com 58 dias de nascida teve um aneurisma cerebral....já se passou 1 ano desde que isso aconteceu e alguns dias atrás ela tinha piorado, foi quando vim aqui pedir orações por ela e por seus pais.


A noticia que trago é que Rafinha melhorou bastante, recebeu alta. Ela ainda precisa das orações de vcs, porque desse aneurisma ela adquiriu uma sindrome chamada West e também para que Deus dê condições financeiras aos pais para ela continuar com o tratamento.


Muito , mas Muito obrigada pelas orações de cada um de vcs.

Deus abençoe a vida de vcs por este gesto de amor por Rafinha.

Um ótimo final de semana a todos!!!!!!!

Estudo nº 6 - O Apocalipse Diz Que Jesus Voltará

Assim como nosso Senhor Jesus Cristo é o personagem central do Apocalipse, a segunda vinda de Cristo em glória e majestade é o acontecimento mais importante deste livro profético. Cada cena do estremecedor drama profético do Apocalipse aponta para o retorno de Jesus. É a culminação do grande conflito entre o bem e o mal, e o momento em que Satanás será acorrentado e finalmente destruído.

1. Segundo a revelação do Apocalipse, quantos verão a segunda vinda de Jesus? Apocalipse 1:7

Nota: O retorno de Cristo em glória e majestade é também "a bem-aventurada esperança" de toda a Bíblia ( Tito 2:13 ). O Novo Testamento se refere a ela num versículo de cada onze, e Moody dizia que na Bíblia toda há umas 2.500 referências. Uma das impressioantes descrições está em Apocalipse 19:11-16.

ENGANOS SATÂNICOS ACERCA DA SEGUNDA VINDA DE CRISTO

Você se surpreende com a idéia de que Satanás tratará de enganar a respeito da segunda vinda de Cristo? Ele já o fez quando ocorreu o primeiro advento. Apesar de existirem não menos de trezentas profecias do Antigo Testamento sobre a primeira vinda de Cristo, Satanás conseguiu fomentar a ignorância, o erro e o desinteresse, e o povo foi tomado de surpresa, sem se preocupar.

2. Respondendo à pergunta sobre Sua segunda vinda, que surpreendente advertência fez Jesus? Mateus 24:4, 5.

3. Que classe de espíritos faria grandes enganos? Apocalipse 16:13,14.

4. Quem haveria de transformar-se em anjo de luz, e que acontecerá com ele ao vir Jesus? II Coríntios 11:14; II Tessalonicenses 2:8-10.

Nota: Estes versos poderiam sugerir a idéia de que a diabo tratará de enganar imitando a segunda vinda de Cristo. Não esqueçamos que São Mateus 24:24 diz que apareceriam falsos cristos.

COMO JESUS VIRÁ

5. Que declaração de Jesus Cristo revela que Sua segunda vinda não será secreta? São Mateus 24:23-27.

Nota: Não há nada de secreto nos relâmpagos, figura usada por Jesus para dizer que vira em forma pública. Isto se harmoniza com o que foi profetizado no Salmo 50:3-6 , que diz: "Vem o nosso Deus e não guarda silêncio; perante Ele arde um fogo devorador, ao Seu redor esbraveja grande tormenta. Intima os céus lá em cima, e a Terra para julgar o seu povo..." A mesma realidade reflete Jeremias 25:30-35 onde diz: "...O Senhor lá do alto rugirá, e da Sua santa morada fará ouvir a Sua voz ... Chegará o estrondo até à extremidade da Terra, porque o Senhor tem contenda com as nações..." Em 1 Tessalonicenses 4:16 , S. Paulo declara que "o Senhor mesmo, dada a Sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus,..." Não há nada de secreto nem silencioso no mais espetacular acontecimento que este planeta verá: o retorno de Jesus.

6. A esta altura de nosso estudo poderiam surgir algumas perguntas lógicas:

a. Será em forma pessoal?; Atos 1:11 e 1 Tessalonicenses 4:16

b. Será em forma real? João 20:24-29: Lucas 23:36-43,50,51 e Atos 1:11

c. Será em forma visível? Apocalipse 1:7

7. Quem acompanhará a Jesus e que farão os acompanhantes? São Mateus 24:31.

Nota: Os anjos de Jesus recolherão a todos os escolhidos ou fiéis. Os que morreram amparados pela graça de Deus, havendo aceitado a Jesus como seu Salvador e Mediador, ressuscitarão ( 1 Tessalonicenses 4:13-16 ), e formarão um mesmo grupo com os fiéis crentes em Jesus que estarão vivos. Todos ascenderão nas nuvens para estar sempre com o Senhor ( 1 Tessalonicenses 4:17 ). A ascensão será possível porque o Senhor transformará nosso corpo à semelhança do que Ele tinha ao ascender ao Céu ( 1 Coríntios 15:51-54; Filipenses 3:20, 21 ).

PROPÓSITOS DA SEGUNDA VINDA DE CRISTO

8. De acordo com a revelação que Cristo faz em Apocalipse, para que virá? Apocalipse 22:12

9. Qual será a reação dos infiéis e dos justos diante da vinda de Jesus? Apocalipse 6:14-17; Isaias 25:8, 9.

Nota: A diferença não obedece a discriminações. Esta determinada pela aceitação ou rejeição de Cristo. (Veja a importante revelação feita por Jesus e registrada por João o autor do livro de Apocalipse em São João 3:16-18 .) A aceitação de Cristo é expressa pelo respeito e fidelidade a Suas leis ( São Mateus 7:21-23 ) e a Sua palavra ( São Mateus 7:24-27 ).
QUE ACONTECERÁ DEPOIS

(No próximo estudo analisaremos o aprisionamento e destruição de Satanás. Também deixaremos para um estudo posterior o assunto relativo às características da Terra depois do retorna de Jesus.)

10. Quais serão as condições de vida que Jesus estabelecerá depois de Sua segunda vinda? Apocalipse 21:4.

MINHA DECISÃO - Considerando que nosso Senhor Jesus Cristo voltará para terminar com as injustiças, a dor, o pecado e que estabelecerá um reino eterno, sem corrupção, decido perparar-me de acordo com a Palavra de Deus para receber com aleria a meu Senhor Jesus.

“Eu conheço um excelente candidato, mas ninguém o quer”

Mas os seus concidadãos odiavam-no, e mandaram após ele embaixadores, dizendo: Não queremos que este reine sobre nós (Lucas 19:14).

Essa foi a resposta de um cristão quando o membro de um partido político lhe perguntou em quem votaria no próximo pleito nacional. Qual “excelente” candidato seria esse?

Obviamente, ele estava se referindo a Jesus Cristo, o único capaz de trazer ordem a um mundo caótico. Infelizmente, não quiseram recebê-Lo, Ele foi rejeitado, e a prova cabal disso foi Sua morte na cruz, morte reservada apenas para os mais vis criminosos. Hoje em dia as coisas não melhoraram no cenário mundial. Guerras, fomes e intrigas políticas sacodem a humanidade. Essas são algumas conseqüências das pessoas terem rejeitado o Senhor Jesus.

Um dia Cristo reinará sobre a terra. Mas, antes disso acontecer, Ele deseja reinar em nosso coração. Tendo sido rejeitado como rei, agora Ele Se apresenta como Salvador. Essas são as preliminares do Reino de Deus que será estabelecido neste mundo.

A solução para os mais sérios problemas da humanidade não se encontram em uma nova forma de governo, em um candidato, ou algo desse tipo, por mais atrativos e bons que pareçam. Você pode se lembrar de algum sistema político que satisfez completamente uma nação sem ter degenerado para a busca de interesses egoístas? A história das nações nos ensina profundas lições a esse respeito.

A resposta vai além do envolvimento individual. É preciso que cada ser humano venha a Jesus Cristo e O receba como Salvador pessoal.

O Senhor Jesus deseja mais que seu voto ou sua admiração; Ele quer seu coração e sua vida. Todos somos falhos e, mais cedo ou mais tarde, decepcio­namos os outros. Mas o Senhor Jesus jamais decepcionará os que crêem nEle. Suas promessas não são meras promessas de campanha política; são promessas fiéis (Números 23:19). Suas palavras não são meros discursos eleitorais; são palavras de vida eterna (João 6:68).

Duplamente Abençoada

Queridos Amigos! Sexta é o dia de preparação para chegada do Santo Sábado...além de preparar nossa casa para o dia do Senhor...também é o dia de nos preparamos espiritualmente. E o testemunho que segue abaixo, possa nos trazer segurança de que Deus sempre presta a atenção em tudo que fazemos e pedimos.

BOM DIA!!!!!!!

A bênção do Senhor enriquece, e, com ela, Ele não traz desgosto. Provérbios 10:22.

Eu estava para concluir o curso superior e me graduar na área de contabilidade. Mas queria continuar estudando para fazer pós-graduação, sem interrupções. Isso envolveria fazer algumas matérias especializadas para aperfeiçoar minhas habilidades. Então, depois da formatura, eu precisaria entrar em contato com um advogado para iniciar o processo de aquisição da minha licença como contadora. Tudo isso, mais as despesas extras relativas à formatura, me colocou em apuros financeiros.

Comecei a ficar preocupada. Como pagar os estudos e enfrentar outras despesas, quando não tinha dinheiro? Pensei em desistir das matérias para poder pagar minha licença. Então, compreendi que estava tentando resolver tudo sozinha. O mesmo Deus que estivera comigo o tempo todo, abençoando-me e respondendo às minhas orações, ainda demonstra que me ama, apesar dos pesares. Pedi que Deus me guiasse e me mostrasse o que fazer. Contando-Lhe o que eu queria e de que necessitava, entreguei meus problemas ao Senhor.

Duas semanas antes da formatura, minha prima disse que tinha um “presentinho” para mim. Entendi que seria exatamente o que ela dissera, um “presentinho”. Mas Deus sabia de que eu precisava! Quando peguei a linda caixa cor-de-rosa coberta com flores, eu sabia que havia algo bom dentro dela. E havia – a quantia exata de dinheiro de que eu necessitava para pagar a licença de contadora.

Ao contar-lhe esse fato, deixo que você e outras pessoas saibam quão grande é Deus! Teste-O, ponha-O à prova! Posso testemunhar que Ele é um Deus de bênçãos. Ele conhecia minha necessidade. Respondeu à minha oração de modo inesperado e através de outra pessoa. Graças a Ele, posso continuar estudando – e minha licença já está a caminho.

Nunca duvide do poder de Deus, porque Ele sabe o momento exato de responder às nossas orações. Está escrito nos Salmos: “Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda O louvarei; Ele é o meu Salvador e o meu Deus” (Salmo 42:11, NVI). Bendito seja o Senhor – fui abençoada. Sei que Deus deseja fazer o mesmo por você, quando se volver para Ele em busca de auxílio.

Escrito por Ingrid Itzel Hines

Blogger Templates